Posso estagiar no primeiro semestre da faculdade?

Feito com carinho por:

Gabriel Porto
5 de novembro de 2018

Parabénssssss!!!! Você foi aprovado no vestibular dos seus sonhos, sua família mandou fazer um cartaz para colocar em frente à sua casa comemorando sua aprovação.

Seus amigos rasparam sua cabeça ou uma parte da sua sobrancelha, você bebeu até cair ou teu pai ficou mil vezes mais empolgado que você!

Você merece! Os sacrifícios para ser aprovado no vestibular são muitos, então toda comemoração é bem vinda.

Agora começa a fase 2. A vida adulta e dos boletos.

Começo de faculdade é muito bom, mas vamos deixar as comemorações de lado e falar de algo sério: você começar a estagiar.

Uma dúvida na cabeças dos universitários é: posso estagiar no primeiro semestre da faculdade? Pela lei do estágio, você pode sim começar a estagiar desde o primeiro período da faculdade.

Mas, depois de conversar com centenas de alunos que passaram pelo Me Escolhe RH e até mesmo com a equipe de estagiários da Know-How, resolvemos falar sobre os prós e contras de começar a estagiar no primeiro semestre da faculdade.

Prós

Como a Know-How é uma empresa otimista, vamos começar falando sobre os pontos positivos de começar a estagiar no primeiro período da faculdade:

#1 — Colocando a teoria em prática

No ensino médio, aprendemos algumas matérias que nos fazem refletir o seguinte: ONDE EU IREI USAR ISSO NA MINHA VIDA??? Dependendo da área que você escolheu, realmente existem coisas que você, provavelmente, não irá utilizar.

Mas na faculdade é diferente… a grade curricular é montada para você ser um profissional completo. É claro que algumas matérias não serão tão relevantes para a sua vida profissional, mas é importante você saber.

Se você optar por estagiar desde o primeiro semestre, você estará colocando em prática o que aprende. Estará ganhando experiência e vai enriquecer o seu currículo.

Além da experiência, você vai começar a conhecer novas pessoas e isso é o segundo ponto positivo de estagiar no começo da faculdade.

#2 — Criando a sua rede de contato

Uma das coisas mais importantes do mercado de trabalho é a rede de contato — o famoso networking. Já ouviu falar que quem chega mais longe é quem tem QI?

E não é o QI de Coeficiente de Inteligência que eu estou falando.

Claro que isso irá te ajudar muito, mas o QI que estou me referindo é o Quem Indica.

Em uma pesquisa realizada pela Hays e o Insper, foi perguntado para mais de 8000 pessoas qual era a forma mais eficaz de encontrar um emprego e mais de 50% acreditam que o networking é a forma mais eficaz de se encontrar um emprego. Inserir-se no mercado de trabalho desde cedo é uma forma de você cultivar essa sua rede de contatos.

#3 — Sua independência financeira

Beemmm, exagerei um pouco ao falar em independência financeira, mas alguns estágios oferecem bolsa auxílio que aliviam muito o bolso do estudante e dos seus pais. Aquele dinheiro para o Uber, festinha, levar o crush para jantar ou até mesmo pagar uma parte da faculdade, caso você estude em uma faculdade particular.

Dizem que dinheiro é poder e que “com grandes poderes, vem grandes responsabilidades” e esse, meu querido Peter Parker, é o nosso quarto ponto a favor de estagiar no começo da faculdade.

#4 — Responsabilidade

Lembra que eu falei que você chegou na fase 2? Então, você vai precisar se organizar e se equilibrar muito bem para manter o estágio e a faculdade caminhando juntos.

Se você é uma pessoa que deixava a matéria acumular no ensino médio e estudava tudo em cima da hora, lembre-se que você vivia para estudar e só fazia isso da vida, então tempo era algo que você tinha de sobra.

Os estágios podem ter de 20 a 30 horas por semana, 120 horas em um MÊS!!! Então, se você acha que consegue deixar tudo acumular e virar a noite estudando, você precisa mudar um pouco seus conceitos.

Você precisa ser aprovado nas matérias e mandar bem no trabalho, logo saber e equilibrar sua vida universitária com o trabalho é essencial para sua carreira.

Contras

Nem tudo são flores, e sim, fazer estágio no primeiro semestre da faculdade pode não ser a melhor estratégia na sua vida universitária.

Alguns especialistas desaconselham o estágio logo no começo por alguns motivos, vamos a eles:

#1 — Você negligenciar a faculdade

O ponto positivo da responsabilidade pode acabar se tornando um ponto negativo. Apesar de, formalmente, o estágio ter duração de 30 horas semanais, às vezes o estagiário fica mais tempo do que deveria para finalizar as tarefas da vaga. Assim, o trabalho acaba afetando os estudos e o jovem deixar de aprender a teoria.

Algumas faculdades já perceberam isso e colocam as disciplinas dos primeiros períodos em tempo integral para evitar que o jovem consiga um estágio. A partir do 5º período, a faculdade joga as disciplinas para parte da manhã ou para a noite, permitindo o jovem ter horário livre para trabalhar.

#2 — O estágio não ser na sua área específica

Como já dizia o velho ditado: “O trabalho dignifica o homem”. Mas, acontece algumas coisas na vida do universitário que vale a pena uma maior reflexão.

Vamos para um cenário hipotético: você faz administração, entrou agora na faculdade, tá no primeiro período e surgiu uma vaga de estágio em uma empresa de consultoria. Você tá precisando do dinheiro e obviamente aceita esse estágio.

Você começa a trabalhar e sua função é: servir o seu chefe. Você pega café, imprime folhas, entrega documentos. Você acaba sendo um secretário pessoal do seu chefe. Não estou dizendo que isso é ruim, você pode ser bom nisso e acabar crescendo na empresa. Mas, alguns estágios tendem a sobrecarregar o estagiário com funções que não necessitam de pensamentos críticos e não têm nada a ver com o curso de formação.

E isso pode acabar prejudicando o estagiário, porque ele não estará desenvolvendo e adquirindo habilidades para se tornar um profissional melhor. Às vezes, ele fica tão atolado no trabalho, que deixa passar oportunidades realmente boas de estágio.

E aí, vale a pena para você?

Agora que respondemos a pergunta: “Posso fazer estágio no primeiro semestre da faculdade?”, fica uma dúvida no ar, se vale a pena ou não.

A ideia desse texto não é te dar uma resposta definitiva e pronta para essa pergunta, e sim trazer reflexões dos pontos negativos e positivos de se estagiar desde o começo da faculdade.

A maior reflexão que você precisa fazer é interna, o famoso autoconhecimento. Palavra que tá na moda, mas que pode ser o diferencial para você. Para te ajudar nessa jornada, nossa querida Cris fez um texto explicando o que é o autoconhecimento e como ele pode te ajudar no mercado de trabalho.

Por hoje é só! Esteja preparado. Seja Know-How. 

Me-Escolhe-RH-Curso-para-Processo-Seletivo-de-Emprego-Estágio-e-Trainee
Simule-a-sua-entrevista-de-emprego-com-o-Entrevista-Express
Correção-de-Currículo-Express-tenha-um-currículo-lindo-em-menos-de-24-horas